Baleias e Golfinhos

Ir em baixo

Baleias e Golfinhos

Mensagem  Mestre Gnomo em Ter Jun 24, 2008 4:59 pm

MISTERIOSO ENCALHE DE 100 BALEIAS NO LITORAL SENEGALENSE

Senegaleses salvam 80 baleias encalhadas

Quarta, 21 de maio de 2008, 14h05 Atualizada às 14h12

Corpos de pelo menos vinte baleias do tamanho de um homem adulto foram encontrados em uma praia de Yoff, no Senegal. Moradores conseguiram salvar cerca de 80 baleias. Não foi divulgado o motivo que teria feito as baleias nadarem em direção à costa. Moradores da região dizem nunca ter visto o fenômeno antes.

De acordo com a AP, as baleias foram vistas na noite de ontem, aproximando-se da orla, segundo os habitantes de vilarejos vizinhos. Na manhã de hoje, várias estavam encalhadas.

Crianças entraram na água e tentaram espantar as baleias. Um pescador prendeu uma das baleias com um cabo e usou um barco de madeira para levá-la de volta ao mar.

Até mesmo o equipamento roliço que ajuda a mover os barcos até o mar foi colocado embaixo de uma baleia para levá-la até a água, mas o animal estava quase morrendo.

Após saberem que as baleias estavam mortas, as crianças brincaram com os corpos, enquanto alguns moradores cortaram pedaços de carne das baleias para utilizar a gordura em óleos de massagem.

Redação Terra


Golfinho 'salva' baleias encalhadas

Quinta, 13 de março de 2008, 09h48

Um golfinho 'resgatou' duas baleias encalhadas em uma praia na Nova Zelândia. O 'salvamento' ocorreu quando um grupo de pessoas que tentava em vão resgatar os animais já estava em vias de desistir da operação.

O responsável pela conservação da vida animal na área, Malcolm Smith, disse que, após várias tentativas, tanto as pessoas quanto as duas cachalotes-pigmeus estavam cansadas.

Foi nesse momento que o golfinho apareceu, comunicou-se com as baleias e conduziu-as até alto mar. "Algo obviamente aconteceu, porque as duas baleias, estressadas, mudaram de atitude e seguiram o golfinho por vontade própria pela praia direto para o mar", disse Smith. "O golfinho fez o que nós não conseguimos fazer. Estava tudo concluído em poucos minutos."

Familiar
Smith disse que teve sorte em testemunhar um evento tão extraordinário e que ficou satisfeito pelo salvamento das baleias. No passado, ele já teve que sacrificar animais que ficaram encalhados.

O golfinho-nariz-de-garrafa, apelidado Moko por moradores locais, é conhecido por brincar com banhistas na praia Mahia na costa leste da Ilha Norte.

Segundo o ambientalista, depois de orientar as baleias, o animal voltou à sua rotina de brincar com os banhistas na baía. "Eu não deveria fazer isso, eu sei, nós temos que manter uma postura científica", disse ele. "Mas acabei entrando na água para encontrar o golfinho e dei um tapinha nele" para agradecer.

BBC Brasil

Um golfinho 'resgatou' duas baleias encalhadas em uma praia na Nova Zelândia. O 'salvamento' ocorreu quando um grupo de pessoas que tentava em vão resgatar os animais já estava em vias de desistir da operação.

O responsável pela conservação da vida animal na área, Malcolm Smith, disse que, após várias tentativas, tanto as pessoas quanto as duas cachalotes-pigmeus estavam cansadas.

Foi nesse momento que o golfinho apareceu, comunicou-se com as baleias e conduziu-as até alto mar. "Algo obviamente aconteceu, porque as duas baleias, estressadas, mudaram de atitude e seguiram o golfinho por vontade própria pela praia direto para o mar", disse Smith. "O golfinho fez o que nós não conseguimos fazer. Estava tudo concluído em poucos minutos."
avatar
Mestre Gnomo
Admin
Admin

Masculino
Número de Mensagens : 136
Idade : 39
Localização : Brasil
Data de inscrição : 19/06/2008

Ver perfil do usuário http://novaera.1talk.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pinguins

Mensagem  Mestre Gnomo em Seg Jul 28, 2008 9:28 am

Sexta, 18 de julho de 2008, 19h50 Atualizada às 22h14

Centenas de pingüins chegam mortos ao Rio

Centenas de filhotes de pingüins arrastados da Antártida e da Patagônia estão chegando e morrendo nas praias do Rio de Janeiro, informaram os especialistas e envolvidos nos resgates à agência AP. Segundo Eduardo Pimenta, superintendente da agência de proteção ambiental da costa estadual, mais de 400 pingüins, a maior parte deles bem novos, foram encontrados mortos nas praias nos últimos dois meses.

É comum encontrar alguns exemplares vivos ou mortos, trazidos pelas fortes correntes oceânicas, porém, Pimenta adiantou que este ano o número de pingüins é maior do que o de qualquer outro ano.

Para o veterinário do Zoológico de Niterói, Thiago Muniz, "a pesca excessiva forçou os pingüins a nadarem ainda mais longe para obter comida, deixando-os vulneráveis às fortes correntes oceânicas". Muniz confirmou que mais de 100 exemplares já chegaram este ano ao zôo de Niterói, o maior do Estado.

O veterinário assegurou que não viu os animais sofrendo com os efeitos de outros poluentes, mas disse que animais já mortos não são levados ao local. Apesar disso, Pimenta acredita que a culpa é da poluição, já que "ela baixa a imunidade dos animais, facilitando a entrada de fungos e bactérias nos pulmões".

O biólogo Erli Costa, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), não crê que os níveis de poluição estejam tão altos para afetar os pássaros com tanta rapidez. "Acredito que estamos vendo pequenos pingüins doentes devido ao aquecimento global, que afeta as correntes oceânicas e cria mais ciclones", considerou. Além disso, as águas turbulentas impedem que os filhotes nadem em busca de comida.

O Brasil devolve em aviões à Patagônia e à Antártida dezenas de pingüins resgatados no País.

Redação Terra
avatar
Mestre Gnomo
Admin
Admin

Masculino
Número de Mensagens : 136
Idade : 39
Localização : Brasil
Data de inscrição : 19/06/2008

Ver perfil do usuário http://novaera.1talk.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum